Loja Caiaque Brasil

domingo, 3 de agosto de 2014

A vez em que todas as armas se esgotaram.


Foi um lindo sábado de sol para uma pescaiacada!

Apesar de ter iniciado com muita neblina na região da represa, o sol aparece e esquentou bem o dia, mas não o suficiente para aquecer a água e aumentar a atividade de seus moradores.

Com a água bem fria estava difícil conseguir alguma ação nas iscas. Já no final do dia, após esgotar todas as armas com as mais variadas iscas de superfície, meia água e fundo, lembrei-me de um vídeo que vi faz algum tempo, onde um cara pesca basses em uma forma de corrico próximo a vegetação. Resolvi arriscar e deu certo. Coloquei uma isca de barbela longa e soltando pouca linha, cerca de 10m a 12m, fui contornando as margens da represa passando pelos locais onde acreditada ter maior probabilidade de encontrar o peixe. As 16:45h apareceu um bocudinho pra não me deixar voltar sapateiro.

Sem dúvida o Mirage Drive do Pro Angler  foi imprescindível para a captura neste sistema, pois deixa as mãos livres para comandar o leme acompanhando o contorno da represa e  permite ainda movimentar a vara de acordo com as variações da margem.

Apesar de não ser a forma mais emocionante para um pescador esportivo - pois nada se iguala a um tucunaré atacando uma isca de superfície - acho que em outras situações esta forma de pesca poderá ser muito produtiva salvar a pescaria. Passarei a experimentá-la mais.


Muita neblina pela manhã...

... mas logo o sol deu o ar da graça espantando o frio.

Já no final do dia dando uma corricada.

Este bocudinho apareceu para não me deixar voltar sapateiro


- FIM -









terça-feira, 17 de junho de 2014

Caída solo


Mais uma caidinha para desestressar! Desta vez fui só, como não fazia há tempos...

Como já dizia um ditado "a necessidade faz um homem". Pois bem, consegui me virar melhor do que imaginava. Com alguma inventividade superei a limitação de movimento de meu braço e os 50kg do PA14 e consegui subir e descer o kayak do carro sem problemas.


Hobie Pro Angler 14
No penúltimo dia do outono já me deparei com uma manhã nublada de temperaturas baixas e água mais fria.  O sol apareceu mais tarde mas não foi suficiente para espantar o frio, fiquei vestindo o anorak o dia todo pois o vento estava cortante.

Por sorte no PA14 ficamos sentados bem alto em relação a linha d'água, aliando a isso ao fato do kayak não fazer água nenhuma pelos drenos, ficamos secos o dia todo, tornando a pescaria/passeio confortável mesmo em um dia frio.



Percorri  um total de 18,31km em 7h de pedaladas e pescaria.

APP "Minhas Trilhas" p/ Android.
Os pequeninos deram o ar da graça atacando as zarinhas vorazmente. Infelizmente não pude registrar mais fotos pois fiquei sem bateria na GoPro, eu havia carregado umas duas semanas antes mas acho que não estão mais segurando carga.


Fotografados e soltos para crescerem.

No retorno pra casa cruzei com um grupo de crianças acompanhados por três adultos, eram escoteiros da região de Campinas, o grupo se chama "Cruz Azul", estavam procurando um lugar para acampar e passar a noite.

Grupo de escoteiros Cruz Azul

O saldo final foi positivo, apesar do frio e do vento. Como dizem:, "é melhor um dia ruim de caiaque que um bom dia de trabalho".

Estava frio bagarai!

- FIM -









domingo, 4 de maio de 2014

Pesca de Caiaque - Só filhotada de tucunaré

Não teve jeito, nada dos grandes, apenas a "filhotada" compareceu para animar pescaiacada. Foram fotografados e voltaram para a vida para crescerem.



As naves

Os filhotes








Hora do almoço

O parceiro Schin preparando o churras


- FIM -













segunda-feira, 20 de janeiro de 2014

Primeira pescaria com o Hobie P.A 14

Finalmente consegui um tempo para colocar o barco na água e utilizá-lo para a finalidade que foi concebido, a pesca.

A represa de Atibainha em Nazaré Paulista foi a escolhida para esta primeira caída. Entramos pra água por volta das 9:00h e saímos as 19:30h (bendito horário de verão!). As tilápias e lambaris eram os alvos principais, mas sempre na expectativa de qualquer tucuninha ou traíra que cruzasse o caminho.

Passei no mínimo umas 9h no Pro Angler e pude comprovar definitivamente o conforto do assento Vantage. Diferente do que acontecia antes com outros caiaques minhas costas não deram o menor sinal de dor ou cansaço ou desconforto, fiquei por todo tempo muito confortável e seguro.

Pedalar o dia todo foi moleza, o esforço se assemelha ao andar com uma bicicleta em terreno plano e regular, ou seja, muito leve. Observei que me desloquei em média  muito mais rápido que antes com o remo, isto me possibilitou chegar mais rápido aos pontos de pesca, com isso passei mais tempo pescando e menos tempo me deslocando, e também pude pescar em mais pontos do que antes.

Os tucuninhas, traíras e tilápias não apareceram na minha linha, mas uns pequenos vorazes me proporcionaram a alegria da minha primeira captura com equipamento de fly! Fiquei muito feliz pois apesar de ainda estar aprendendo sobre esta modalidade fui capaz de conseguir fisgar vários lambaris!

Algumas fotos do dia:

Partindo de manhã

Experimentando fazer uns false cast

Primeiro peixe no fly!

Alguns lambas mais...

E foram só os lambas mesmo, muitos.

Pausa para um mergulho, o calor estava demais!

Schin tentando do barranco.

Pedalando...

Hora de voltar...

Fiz um pequeno vídeo demonstrativo de como é leve e de bom rendimento a pedalada do sistema Mirage Drive no Hobie Pro Angler 14.


Foi a primeira pescaria com o P.A 14, muitas ainda virão e com certeza minhas impressões sobre este caiaque vão refinando, mas até o momento estou 100% satisfeito, atendeu todas minhas expectativas!

PS.1 - Alan me enviou as barras em substituição as que haviam danificado no transporte. Pensei em fazer um vídeo com a substituição, mas foi tão simples a troca que achei perda de tempo. As barras foram trocadas soltando apenas um parafuso. O caiaque agora está novo novamente e fiquei plenamente satisfeito com o suporte do Alan, resolveu tudo muito rapidamente.

PS.2 - No P.A não da para colocar o pé na água facilmente pois ficamos em uma posição bem alta. Sol o dia todo fez o peito do meu pé arder e ficar vermelho igual um pimentão! Preciso providenciar alguma proteção solar para os pés, estou pensando em uma meia...

- FIM -



domingo, 29 de dezembro de 2013

Estréia: Hobie Mirage Pro Angler 14

Fiz a tão esperada estréia do meu P.A 14 no dia 22/12 - Foi meu grande presentão de Natal este ano!

Foi uma saída para experimentar o brinquedo, sem pretensão de pescarias, nem material levei, fui com a família, a esposa, filha, irmão e sobrinho, queria que todos pudessem experimentar o caiaque.

Resumindo minhas primeiras impressões,  O CAIAQUE É FANTÁSTICO!

Além da notável qualidade dos materiais empregados na construção e acabamento impecável, ele reúne todos os atributos que um pescador de caiaque pode querer em um caiaque de pesca.

Estabilidade primária: da para ficar em pé sem nenhum receio de se desequilibrar. A posição no assento também facilita muito este movimento de transição sentado/em pé, coisa que eu tinha muita dificuldade nos outros caiaques em função do meu peso e da posição que ficava, sentado com as pernas esticadas na altura da cintura.

Muito conforto: o Vantage Seat é realmente excepcional, meu irmão o apelidou de "poltrona do patrão" tamanho o conforto. Suas regulagens de altura de assento, encosto e apoio lombar, passar horas pescando neste caiaque não deverá ser um problema para as costas, resumindo, adeus dor nas costas pós pescaiacada!

Grande capacidade de carga: 272 kg é mais que suficiente para até mesmo os mais gordinhos ficarem satisfeitos. Da para levar tudo o que for necessário para um dia de pescaria com todo o conforto ou uma expedição e ainda sobra. Seu enorme compartimento de proa permite que se guarde muita coisa protegida do sol e da chuva.

Ótima velocidade: realmente o desempenho do Mirage Drive surpreende! Mesmo sabendo que a série Pro Angler não é a mais rápida da Hobie, a velocidade média conseguida com os pedais, com pouco esforço, é muito boa se comparada ao remo, e ainda tem a vantagem de "sobrar" braço para os arremessos, para quem pratica pesca de arremesso com iscas artificiais isto é mais que desejável.

Realmente o peso e o tamanho são pontos para se considerar na hora da escolha deste modelo, o caiaque é quase um trambolho para manusear e transportar  fora da água, mas nada que não possa ser assimilado mudando alguns hábitos e adaptando pequenas coisas na rotina de carregar/transportar/descarregar o caiaque, afinal não se pode ter tudo em um único caiaque e os benefícios que ele te proporciona na água compensam 3X mais as dificuldades de manuseá-lo em terra.

Minha primeira avaliação é de 100% de satisfação pela escolha do caiaque, para o tipo de pescaria que pratico e os ambientes onde costumo utilizar o caiaque. O caiaque é tudo o que eu esperava e um pouco mais!

Fotos da estréia:


Família reunida:



Primeiras pedaladas com o assento na posição mais baixa:


O leme permite manobras de forma muito fácil:

Assento na posição mais elevada:


A esposa experimentando o brinquedo:



A vez da filhota - regulando distância dos pedais:

Regulando altura do assento:





A vez do irmão com o sobrinho:


Levando a filha para um passeio:

O parceiro de pescaria Schin experimentando o caiaque:

Para ele que já pesca em pé em um barracuda no PA da para sambar!

O brinquedo em cima do carro. Terei que fazer algumas adaptações para transporte e armazenagem do caiaque seguindo as recomendações do manual do usuário da Hobie.

- FIM -